Siga-nos nas Redes Sociais
(47) 3369-2438
(47) 3369-0338

Nossos serviços

Características

Paraíso dos mergulhadores, sede da Reserva Marinha do Arvoredo, única reserva marinha do sul do País, Bombinhas é um patrimônio natural a ser preservado.
Data de fundação - 1º de abril de 1992.

Data festiva - 02 de fevereiro (Dia de Nossa Senhora dos Navegantes).

Principais atividades econômicas - Turismo, pesca e maricultura.

População - 10.826 habitantes.

Colonização - Açoriana.

Principais etnias - Açoriana.

Localização - Litoral norte, a 60km de Florianópolis.

Área - 36,6km2.

Clima - Temperado quente, com temperatura média entre 16ºC e 27ºC.

Altitude - 568m acima do nível do mar.

Cidades próximas - Porto Belo, Itapema, Tijucas, Balneário Camboriú, Governador Celso Ramos, Florianópolis.

História

Os portugueses açorianos, fugindo das freqüentes invasões piratas no Arquipélago de Açores, chegaram à região no início do século XVIII e fundaram o povoado de Vila Nova Ericeira, hoje Porto Belo. Os colonos surpreenderam-se com a beleza do lugar e com o barulho das ondas quebrando na praia - daí a origem do nome atual de Bombinhas. Mas foi apenas na década de 1960 que a região foi "descoberta" pelos turistas. Atraídos pelas belezas naturais do município, eles passaram a freqüentar as praias, ainda que os acessos fossem ruins. Os padres salesianos construíram o Retiro dos Padres, hoje transformado em pousada.

Turismo

Além da beleza das 19 praias do município e da tranqüilidade do lugar, Bombinhas é conhecida pelos cursos de mergulho ecológico e pela Reserva Biológica Marinha do Arvoredo. Situada a 3km da praia, é o local preferido dos mergulhadores.

Natureza - Para quem gosta do contato direto com a natureza, não faltam atrações em Bombinhas. A cidade situa-se nas encostas da Serra do Mar, numa área de muito verde e de Mata Atlântica preservada, com várias opções de lazer e esportes de natureza.

Turismo Sub-aquático - Durante o verão são oferecidos passeios diários de barco pela costa, com passagem pelas ilhas da reserva. Acompanhados de instrutores e bem orientados, os passageiros podem mergulhar e ter sua aventura submarina filmada por profissionais.

Praias - A Praia de Bombinhas tem águas muito claras, calmas, com ótima visibilidade, e é muito movimentada no verão. Na Praia de Bombas, um pouco maior, o mar é mais agitado, dependendo do vento. Vale visitar Mariscal, uma das praias mais bonitas, especialmente ao nascer do sol; Zimbros, localizada numa baía ideal para esportes aquáticos e onde os turistas podem conviver com os pescadores artesanais; Ingleses, uma pequena praia com muitas belezas naturais, também conhecida como Retiro dos Padres; Tainha, de grande importância sócio-ambiental; Canto Grande, com suas duas praias – uma de mar aberto e outra voltada para a Baía de Zimbros, com águas calmas e exuberantes, e a Praia da Sepultura, que apresenta belos rochedos e grande variedade de fauna e flora marinhas, constituindo-se em importante point para mergulho ecológico.

Infra-estrutura turística - A cidade tem completa infra-estrutura turística, hoteleira e de lazer, com quase 5.000 leitos em hotéis, pousadas, hotéis-residências e campings. Há bons restaurantes, centros de compras e de serviços. Além disso, Bombinhas fica próxima de grandes centros urbanos, como Balneário Camboriú e Florianópolis.

Destaque

A Reserva Marinha do Arvoredo, uma das três existentes no País e a única no sul do Brasil, é o grande destaque de Bombinhas. É formada pelas Ilhas da Galé, Macuco, Deserta (refúgio para alimentação e procriação de pássaros entre maio e junho) e Arvoredo, a maior e mais atraente de todas, com fauna rica e variada, além do Calhau de São Pedro - formação rochosa no meio do mar, sem vegetação. Nestas águas transparentes e nas ilhas há espécimes raros da fauna e flora típicas da região. A reserva situa-se a 3km da costa e, nos dias claros, a visibilidade alcança até 40m.


Fonte: SANTUR
Fale com um corretor
enviando...